Journaling: Meu querido diário

     Como eu já disse em postagens anteriores, sou fã de um recorte e colagem, comprar um caderninho, fazer zé palito e etc. E eu também gosto de misturar tudo isso e usar várias técnicas diferentes para fazer diários e agendas; coisas mais práticas e menos espalhafatosas que eu possa carregar por aí; ainda usando a técnica de scrap mas de uma maneira mais discreta e misturada. Eu acho uma ótima ideia de diário de bordo temático (para uma viagem, um projeto, uma fase da sua vida).

4730c861b6c4ea5a24a73838480a1088

    Comecei a pesquisar cadernos que eu poderia fazer um pouco de tudo: desenhar, escrever, aplicar técnicas de scrap, colar bugigangas, fazer anotações rápidas. E consegui achar o que eu estava procurando; comprei caderninhos simples de sketchbook e um smashbook! eu queria um moleskine grande mas é caro

Continuar lendo

Dicas para calouros

Quem já passou pelos primeiros meses de faculdade sabe que não é fácil. O conteúdo inicial pode não ser de cara dos mais difíceis – difícil mesmo é conseguir se encontrar dentro da universidade. Pela minha experiência como caloura de psicologia no ano de 2014, posso afirmar que: as coisas melhoram e aos poucos você encontra sua própria maneira de fazer as coisas, acredite. Então, aqui vão algumas dicas que foram passadas de alguns veteranos para mim, outras adquiridas por mera observação, algumas apanhando até aprender (porque é a vida).

trote1

*foto ilustrativa da sua expectativa de diversão entrando na faculdade (que no final do ano não será mais nem um resquício de ilusão – estará morta)

Continuar lendo